Crônicas

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Transferência de frustração


Transferência de frustração. E não é que essa droga funciona?

Mesmo com todos os nossos pesares e apesares de sermos seres humanos, usamos a nossa capacidade de nos envolver emocionalmente em prol de estratégias meticulosas e de joguinhos propositais (não espontâneos) e assim por dizer, construindo uma relação social muito calorosa entre você, a pipoca e o DVD.

Nesse texto ressalto sem sobressalto, que a mulherada vem analisando nós homens em cima de um salto! Impossível enxergar um hospitaleiro coração de cima da torre de babel. Mais ainda impossível enxergar se existe mesmo um coração da visão que vocês mulheres têm daí de cima.

Historicamente, registros afirmam que essa tal transferência foi evoluindo ao longo da era freudiana. Hoje em dia, ela está infestada na sociedade. Pra transferir uma frustração, basta estar junto com alguém... Engraçado é que esse mesmo alguém nem precisa estar tão próximo do próximo que se imaginava... “Não é porque gosto que necessariamente preciso estar junto”.

Geralmente a transferência de frustração ocorre no 4° estágio de aproximação. Okay, você não vai adivinhar meus estágios, então lá vai:

- Conhecer
- Sair
- Ficar
- Namorar

O 4° estágio denota certos cuidados. Você já ultrapassou os três primeiros (que eram) tecnicamente, estágios recreacionais, ou seja, um terreno desconhecido para uma possível fertilidade amorosa, ao passo que nesses estágios iniciais, nem mesmo a pretendente sabe se quer levar adiante ou não.

É no rol inefável do compromisso que a transferência de frustração aparece. Os relacionamentos modernos caracterizam bem essa transferência, isso porque vivenciamos uma era de gigantesca afluência comunicativa: internet, mídias sociais, sites de relacionamentos e por aí vai... Ou seja, a facilidade em trocar de parceiro é tão grande quanto conhecer alguém pela própria internet. Em suma: O que veio fácil, volta fácil e retorna fácil!

Em uma visão pragmaticamente analítica, eu vejo marcas caminhando pelas ruas, intituladas de “pessoas”, todas dispostas a exercer a “venda perfeita” no 1° estágio (citado lá em cima), quando se conhece alguém que despertou o interesse.

Vender é fácil, a manutenção é que é complicada. Já viu pós-venda no Brasil funcionar? O interesse está embasado somente na venda. Uma vez que você “abraçou” a ideia (ou seja, se apaixonou), dane-se os cuidados que se deve ter posteriormente. O mundo comercial é voraz e implacável, interesseiro e pretensioso!

E como a falta da pós-venda é inexorável, aí entra em cena o tema proposto: a nossa querida transferência de frustração. Como? Simples:

Geralmente, os “vendedores” e as “vendedoras” são exímios conquistadores e vão usar de todos os atributos persuasivos para te convencer de que “namorá-lo (a)” será a melhor coisa que você fará em sua vida. Entretanto, eles falham na hora de gerenciar a conquista e, obviamente, não assumem essa desnivelação, transferindo sordidamente a culpa para o “comprador” ou “compradora”.

A transferência de frustração provém de uma série de projeções que se atribuem á pessoa em questão, e, como não somos feitos de cimento nem de cal pra preencher ou tapar alguma expectativa (ou qualquer buraco), nos deparamos com os lendários (e nada efêmeros) joguinhos de amor...

Nesse mundo onde me transformaram num produto passivo de compra, venda, troca ou reciclagem, eu adotei a seguinte postura:

Sabe o que eu espero de uma mulher num possível relacionamento? Porra nenhuma! Me permito participar de momentos. Momentos saudáveis e prazerosos de curtição e, se vir a gostar desses momentos, aí sim penso no 4° estágio.

Até lá, me permito muitas coisas. Menos me vender, porque de vendedor o mundo tá cheio... E o inferno também!

Permita-se você também!

41 comentários:

  1. Andréa Luíza ;)15 de julho de 2010 09:44

    ''Sabe o que eu espero de uma mulher num possível relacionamento? Porra nenhuma! Me permito participar de momentos. Momentos saudáveis e prazerosos de curtição e, se vir a gostar desses momentos, aí sim penso no 4° estágio.''

    ... rsrsrsrsrsrs a maioria é assim mesmo, e nossaa... como é difícil manter um relacionamento, e frustrante mesmo é quando se quer e não se tem, por tudo isso que vc enumerou acima... facilidade em trocar de parceiro(a). :( :(

    ResponderExcluir
  2. Aí está um tema interessantíssimo!

    Transferência de frustração.

    Viajei nesse texto porque já vi e ouvi tantas coisas que se encaixariam perfeitamente em seu texto....

    Muito boa!

    Refletirei!

    ResponderExcluir
  3. é isso ai, o desafio é manter o " nível de serviço" após a venda...Valeu pelo texto!!

    ResponderExcluir
  4. Nesse mundo globalizado e corporativo, manter o "nível de excelência" é fundamental para cultivar a "sua carta de clientes" e consequentemente o "progresso da empresa"...

    Eu já aprimorei o meu pós venda!

    Muito bom texto!

    Cássio

    ResponderExcluir
  5. AHAHAHAHHAAHH Segue minha visão depois de mais de nove anos de união... O nível 4 é que nem fazer musculação, quanto mais você faz, mais peso tem que colocar para fazer o mesmo efeito.

    Abs!

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito da Crônica ! Legal a frase
    " estágios recreacionais "...rs..
    Isso mesmo , mas para mim só tem 3 estágios e nao 4 ! Nao existe pra mim o estágio 3 - A não ser que vc. tenha uma amiga/o pra matar a carência e juntos chegarem num acordo de pararem pelo estágio 3 - até que surja alguém que os levará ao estágio 4 ...rss....
    Já eu nao olho uma relaçao de cima nao, olho bem de frente, olho no olho e aí percebo em que estágio ela irá permanecer ...hehe...
    abraços
    Van

    ResponderExcluir
  7. HAHAHAHAHAH, eu concordo com a academia do Rodrigo, mas prefiro entender que o estágio 04 é como jogar Playstation:

    Enquanto vc vai passando de fase ainda é um desafio, mas depois que vc enfrenta o "chefão" no final e vence, daí perde a graça!

    Por isso jogo bom, é jogo difícil!

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  9. Sabe qual o maior problema do pós-venda? É q a venda foi baseada em ilusões.
    As pessoas têm medo de se mostrar, "Ai, não posso dizer q gosto disso logo de cara...". Mas pq não, se esse/essa é vc???
    O q acontece é q, no longo prazo (4º estágio), essas "mentirinhas" se tornam insustentáveis. E aí vem a frustração: "no começo ele/ ela era tão diferente...". Claro q era! Estava representando um papel absurdo inventado por sei lá quem!
    Qdo começamos a nos mostrar, sofremos com a decepção e repressão da outra parte, e então temos mais medo ainda de nos mostrar. Círculo vicioso, não???
    Mas a responsabilidade é toda nossa, a partir do momento em q nos permitimos entrar nesse "joguinho" escabroso (nossa, adorei essa! Rs)... Argh!!!
    Nossa única saída é ter a coragem de fazer como a Van disse, olhar de frente. Tanto para o outro quanto para nós mesmos. E como isso é assustador!
    Não acho q as mulheres estejam olhando os homens de salto alto. Acho q todos (homens, mulheres e todas as variações) estão se olhando através de vidros insufilmados e blindados, com um medo danado de sofrer algum ferimento.
    E, enquanto isso continuar, é simplesmente impossível ter um relacionamento de verdade.

    ResponderExcluir
  10. Vannnnnnnnn p/ Talasi ..........15 de julho de 2010 13:11

    ...Pois é Talasi, sou das antigas, joguinho pra mim nao existe , mentirinhas , fazer tipo , deixo isso pras mil mulheres que andam por aí e também para os homens - claro - afinal tem uns que são campeões nisso !!! ...rs...
    Já eu , sou sempre eu mesma, quem se sentir atraído pode ter certeza que sempre saberá onde tá pisando ! E eu também sei sempre onde piso ou até onde quero pisar...
    abraços
    Van

    ResponderExcluir
  11. Hahahhahaha, vcs homens viu?

    To notando e vendo tudo nas entrelinhas de vcs viu?

    Bom, o pós venda é essencial sim, desde que haja uma "venda casada", sem propaganda enganosa e sem vender o que não existe.

    A pior coisa é não cumprir com seus compromissos.

    Entenderam homens?

    bjs

    ResponderExcluir
  12. É, meninas, parece q a maioria deles tem uma dificuldade enorme em entender isso...
    Qdo na verdade é tão simples! Não estamos pedindo q eles sejam perfeitos em tudo; basta NÃO PROMETER nada além do q se pode cumprir...
    Entenderam, homens? Rsrsrs...

    ResponderExcluir
  13. EM DEFESA DOS HOMENS:

    Bom, a princípio o André detectou e com muita maestria sobre o tema proposto.

    As mulheres são exímias profissionais na arte de transferir a frustração... Isso é fato!

    Basta "perder" o controle da situação em um diálogo e pronto, desenterram coisas já fossilisadas só para se equilibrarem na discussão e, assim sendo, não saírem por baixo na discussão.

    Vcs são assim!

    Nós homens passamos longe disso!

    Hehehe

    ResponderExcluir
  14. Mesmo sendo mulher, concordo com o seu ponto de vista.
    E ontem mesmo, eu elaborei essa idéia no meu flog.

    A melhor coisa é não criar expectativa.
    As coisas fluem com naturalidade, sem pressão, sem stress...
    No momento certo, querendo ou não, as coisas acontecem.
    E por incrível que pareça, é quando a gente menos espera.
    Já que não sabemos o momento exato das coisas (essa é a graça do grande mistério que é a vida)... Curtir os bons momentos, não faz mal a ninguém!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  15. As pessoas realmente se tornaram marcas perambulando pelas ruas... Escolhem demais, não gostam de ser escolhidas e não aceitam defeitos....

    Graças a internet, hj somos uma gigantesca tribo isolada em suas aldeias, comunicando-se através de ferramentas como MSN, Skype, Facebook, Orkut e por aí vai...

    Obviamente que o calor humano não foi deixado de lado, mas digamos que ele se tornou uma opção dentro de um monte de prioridades.

    O assunto é tão vasto qto a internet, por isso prefiro seguir com o que o André disse.

    Eu tb não espero nada quando conheço um cara... Mas tb não me venha com promoções mirabolantes tipo facas ginso que tb não rola!

    see ya!

    ResponderExcluir
  16. Vannnnnnnnn p / todas vcs. ....rs...15 de julho de 2010 19:06

    Ahhh meninas , numa boa...
    Entrar numa relação ou começar a sair sem criar expectativa é DIFÍCIL VIU ! Isso é bom no papel mas na prática nao é tão simples nao !
    O bom mesmo é viver o momento , curtir sem pensar no futuro, no amanhã ... mas vcs. conseguem ? Eu nao consigo , ainda nao consegui encontrar essa fórmula e acho que nunca vou encontrar, quem dera eu se pudesse escolher por quem me apaixonar ou por quem eu nao deveria ou deveria criar expectativa e viver só o hoje .. quem dera... sou assim ... simples assim... sem tipo.. sem jogo.... essa sou eu !
    Abraços

    ResponderExcluir
  17. Vannnnnnnn p/ aqueles que nao esperam nada de ninguém....tá bom que eu acredito ...hehe...15 de julho de 2010 19:10

    Ahhh último detalhe !

    Quando saio com alguém , eu espero sim ... deve ser muito ruim quando vc. sai com alguém e nao espera nada ! Deve ser horrível isso !
    No fundo vcs. esperam sim, mas nao assumem ...
    hehe...

    ResponderExcluir
  18. Van?

    Eu me refiro a não criar expectativas, não esperar nada em troca, não me alimentar de esperanças (o que eu acho, pelo contexto) que o André tb deixou isso no ar...

    Ninguém ilude ninguém. As pessoas se iludem sozinhas, simplesmente pq esperam muito das outras pessoas...

    ResponderExcluir
  19. Como começar um dia chuvoso de ressaquinha? Lendo seu blog...ainda mais que noite passada o assunto era esse, gente que é gente como a gente!

    Primeiro: Eu concordo plenamente, ter é fácil difpicil é manter, por isso não espero nada nunca de ninguém (só inconscientemente...rsrsrs)

    Segundo:Isso tudo Freud explica, e a evolução encontra seus próprios caminhos para que os mais aptos sobrevivam...será que eu sou um deles? E vc?

    Terceiro: Odeio "joguinhos", até porque não sei jogar, jogo muito muito mal.

    Um bjo virtual,

    ResponderExcluir
  20. Vannnnnnnn p / ISO 14000 e Marisaaaaaaaaaa16 de julho de 2010 10:55

    Amo esse nick : IS0 14000 e esses bonequinhos...rss...

    Marisa , amei seu grito de guerra...haahaahaaa

    SEE YA !!!!!!!!! O Máximo !!!!!!!!.....rssss
    bejo
    Van

    ResponderExcluir
  21. A crônica sempre sagaz, capiciosa, ácida e inteligente....

    Mas discordo da maioria das meninas. Eu sou intensa, verdadeira e sou pra casar, rs....

    Como ingressar em um romance sem esperar nada?

    Não consigo!

    ResponderExcluir
  22. bom...acho que voce pode ou nao esperar algo..so precisa ser sincero!!! qto a promessas...nem sempre isso adianta...eu sempre...sempre..joguei limpo na vida...mas algumas vezes ouvi comentarios do tipo: ah...pensei que vc ia mudar de ideia....
    pensou de onde? é aquilo...pessoas se iludem...rs
    qto ao comentario do rodrigo...hahahahaahahah!! nao tinha pensado nessa analogia mas ficou perfeita...rs

    e...quanto ao que esperar....sempre esperamos alguma coisa...so temos que ter ciencia que qto maior a expectativa..maior tb a frustracao caso ela venha a aparecer....
    e um onus que so os corajosos se sentem dispostos a pagar....sejamos adultos e vamos arcar com o peso de nossas escolhas...

    ResponderExcluir
  23. Lendo os comentários e as opiniões dos nossos "colegas literatos", vou na contra mão, apesar de concordar em tudo.

    As mulheres (como sempre na defensiva) preferiram apontar os homens como sendo os principais malfeitores da propaganda enganosa...

    Mulher tb se vende! (e não o que vcs pensaram).

    Mulher tb vende uma ideia, um conceito, uma forma de nos aproximarmos.... enfim....

    Escreveria um livro sobre as diversas formas que uma mulher se vende... É só pra dizer que de uma forma geral, o "ser humano" se vende, como bem colocado pelo nosso escritor!

    ResponderExcluir
  24. Voltei pra ver os comentários, sempre faço isso!

    Concordo com o Felipe e com o "sei lá".....

    Boa homens! rs

    ResponderExcluir
  25. EU e daí.............rs......16 de julho de 2010 15:16

    E aí quando será qeu estaremos todos no mesa redonda hein !!! rss...

    Me divirto com os comentários....rs...muito legais...

    abraços pra todos !! Bom frio , bom final, boas expectativas pra hoje e pro final de semana ...
    hoje é sextaaaaaaaaaaaaaa !!!!!!!!!!!!

    abraços

    ResponderExcluir
  26. hahahahahahaha

    Geralmente, os “vendedores” e as “vendedoras” são exímios conquistadores e vão usar de todos os atributos persuasivos para te convencer de que “namorá-lo (a)” será a melhor coisa que você fará em sua vida.

    EU FIZ ISSO... E QUER SABER, DÉ?
    DEU CERTOOOOOOOOO!!!!
    ESTAMOS JUNTOS HÁ 10 ANOS... FALA A VERDADE... SOU UMA ÓTIMA VENDEDORA, HEIN?
    MAS TB SEI FAZER A MANUTENÇÃO DIREITINHO!!!!

    BEIJOOOOOOOOOOSSSSSSSS!!!
    E MAIS UMA VEZ, OBRIGADA POR ME ASSISTIR ONTEM!!!

    ResponderExcluir
  27. "Sei lá..."
    Concordo com vc qdo diz q as mulheres tb se vendem (e muito!).
    Mas vc há de concordar q os homens são PHD em fazer promessas de mundos e fundos num início de relacionamento, coisas q sabem q não vão cumprir.
    Muito difícil encontrar alguém como o Felipe, q diz o q pretende, pra dar ao outro a opção da escolha (e, Felipe, concordo q tb existem as pessoas q, mesmo vc dizendo a verdade, irão se iludir, mas aí já é "psicagem" total, rs).
    A coisa não é tão complicada, basta não prometer NADA. Tudo fica tão mais simples...
    Concordo com todos q disseram q é impossível não esperar nada, afinal, somos seres humanos.
    Mas é possível segurar a língua, e não dizer o q não se tem certeza. É só deixar as coisas acontecerem...
    E isso não é tão impossível assim.

    Ps. Eu tô chegando agora por aqui, mas já gostei desse balacobaco dos comentários, rsrsrs...

    ResponderExcluir
  28. Aiiiiii Meu Deus!!!!!Realmente estou farta desses joguinhos amorosos..oq vcs homens pretendem com isso? Nesse mundo onde o homem esqueceu que tem q fazer o papel de "homem" (papel esquecido na maioria das vezes), mas enfim, vcs tem q aprender que nós mulheres precisamos de carinhos, mimos, queremos estar junto, participar, mas ops....Fico pasma, qdo em uma caminhada perfeita no parque, com um visual maravilhoso de uma bela noite enluarada, refletindo no lago aquela luz contagiante, me deparo com dois "homens", vindo em sentido contrário ao meu e naquele milésimo de segundo no transpassar das passadas, escuto isso:"Não é porque eu gosto que eu tenho que estar junto", parei, fiquei beje.. eu escutei isso??? Ahhhh sim, foi isso mesmo, por isso que agora eu estou entendendo esse lado masculino frouxo de ser, oq é isso? Joguinho banal sentimental?Sejam "homens" e assumam que vcs também choram e querem estar junto, mas esse tal hormônio do sentimento rebate tudo isso, hummm entendi...realmente não há a necessidade de estar junto, isso abriu uma luz na minha vida e sempre que eu estou em dúvida me lembro...Não é pq eu gosto que eu preciso estar junto...isso diz tudo, não acham???

    ResponderExcluir
  29. Olá Talasi,

    Encontramos um ponto de equilíbrio. Vc foi a única mulher presente nesse saudoso espaço que concordou com o que eu disse.... Eu tb concordo com vc sobre nós homens....

    Sinal de que a mulherada tá mesmo em cima de um salto como o André falou....

    ResponderExcluir
  30. Uma pergunta:

    Por que tanta mágoa em seu coração Karina?

    rs

    ResponderExcluir
  31. Bom, demorei para comentar, devido a uns probleminhas que tive esses dias..concordo com vcs...

    O importante é não enganar ninguém e sermos honestos na venda e na pós venda também....

    não adianta enganar, iludir, essas coisas machucam as pessoas e isso não é legal, pense que vc poderá ser o próximo na fila dos machucados...o importante é se colocar no lugar do outro e aprender com as burrices que fazemos e com as burrices que fazem com a gente e sempre sair de cabeça erguida....

    Bjos...

    ResponderExcluir
  32. O amor não é instantâneo. Ele se dá ao longo de uma relação e como todo amor, segue o seu caminho ou descaminho.Não tem como querer entender o amor, o amor é algo totalmente sem noção.Para entender o que é o amor é preciso acima de qualquer coisa amar.
    Por estes vários estágios citados pelo André, dificilmente se chegará no 4º estágio, porque hoje, como citado o ficar esta fácil demais, grande parte das mulheres se igualaram aos homens... chegam junto mesmo, sem o menor pudor...Troca de parceiro como se troca de roupa...ficam e ficando não se estabelece nenhum vínculo, desta forma logo tudo fica sem graça e que venha a proxima ( o) da fila, afinal o dito popular já diz A FILA ANDA.
    Eu adoro namorar meus namoros sempre foram longos, e sempre amai esta troca, de cuidar e ser cuidada, de amar e ser amada,de juntos dividir momentos, ora tristes, ora alegres, adoro respeitar, amo a lealdade,fidelidade quando namaro, sou tudo isso e muito mais.
    Amor é na minha opinião um tesouro que, quanto mais se divide, mais se multiplica, e se enriquece à medida que se reparte. Mais se agiganta, na razão que mais se doa. Fixa-se com mais poder, quanto mais se irradia. Nunca perece, porque não se entibia nem se enfraquece, desde que sua força reside no ato mesmo de doar-se, de tornar-se vida. Assim como o ar é indispensável para a existência orgânica, o amor é o oxigênio para a alma, sem o qual a mesma se enfraquece e perde o sentido de viver.
    Quando real, estruturado e maduro—que espera, estimula, renova—não se satura, é sempre novo e ideal, harmônico, sem altibaixos emocionais. Une as pessoas, porque reúne as almas, identifica-as no prazer geral.O prazer legítimo decorre do amor pleno, gerador da felicidade, enquanto o comum é devorador de energias e de formação angustiante O amor nunca se impõe, porque é espontâneo como a própria vida e irradia-se mimetizando, contagiando de paz. Expande-se como um perfume que impregna, agradável, suavemente, porque não é agressivo nem embriagador ou apaixonado…
    Perseguido, é preciso amar. Odiado, torna-se indispensável amar. Algemado a qualquer paixão dissolvente, a libertação vem através do amor. Quando se ama, se é livre. Quando se ama, se é saudável. Quando se ama, se desperta para a plenitude. O amor proporciona paz. O amor é estímulo permanente. Desse modo, através do amor, imbatível amor, o ser se espiritualiza e avança na direção do infinito, plenamente realizado, totalmente saudável, portanto, feliz. Como é maravilhoso poder olhar bem fundo no olho de alguém e dizer EU AMO AMAR VOCÊ.QUERO ENVELHECER AO SEU LADO.
    Enfim eu sou amante á moda antiga..embora possa não parecer....
    Ameiiiii Dé....beijos de Luz

    ResponderExcluir
  33. O que falar sobre relacionamentos???
    Um assunto impossível de ser compreendido, nem pelos experts no assunto!!!
    Parece que a cada dia que passa as pessoas estão cada vez mais "frias" e "secas" quando se trata de namoros e carinhos.
    Parece que as pessoas estão querendo ser mais independentes de que namoradas(os).
    Querem uma tal liberdade, que quando você começa a ter um relacionamento, parece que vc perde a perde!!
    Liberdade ou namorar??Sair com as amigas ou jantar romântico??
    Dúvida cruel, mas a resposta é certa: LIBERDADE!!!
    Melhor você fazer o que quiser ao dar "satisfações" para alguém!!!
    Enfim, relacionamentos, ou vocês os tem, ou continua solteira(o)!!!rs
    Faça sua escolha, dê suas satisfações!!!
    Diga EU TE AMO e "perca" suas amigas!!rsrsrs...brincadeira!!
    Mas é que existe algumas pessoas que começam a namorar e esquecem das(os) amigas(os)!!!
    MAKE YOUR CHOICE!!!

    ResponderExcluir
  34. karina para sei lá19 de julho de 2010 17:13

    Não acho q tenho tanta mágoa nesse coração....Mas com o passar do tempo agente vai ficando mais "esperta" e começa a entender qual a metade do cérebro dos homens que funciona e qual é a outra metade q nõ funciona.Definitivamente, os cérebrosdos homens trabalham com a metade diferente do que o das mulheres, por isso que "Não é porque eu gosto que eu quero estar junto...rsrsrsrrsr

    ResponderExcluir
  35. Aaaahhhhh Amei!
    Tudo a ver com a realidade!
    Mas...uma ressalva: Os homens são belos vendedores...kkkkkk

    ResponderExcluir
  36. Não conheci o terceiro estágio desta crônica, mas tenho muito a dizer sobre relacionamentos.Conservar amor não existe, existe alimentá-lo para que atinja progressivamente suas possibilidades.
    Balzac escreveu: “O amor deve lutar sem trégua contra um monstro que a tudo devora: o costume”. O seu inimigo mais insidioso é a rotina: perder o desejo da criatividade original; pois assim o amor acaba por esfriar e perecer. Às vezes, trata-se de um processo lento, quase imperceptível no início, e cujas conseqüências só são percebidas quando a degradação é dada como irreparável, ainda que não o seja na realidade: como a planta que se deixou de regar e que durante certo tempo mantêm o seu viço, para logo em seguida, sem motivo imediato aparente, murchar de vez.
    O carinho não se alimenta com a simples inércia ou com o correr dos anos: tem de ser alimentado com muitos pequenos gestos e atenções, com um sorriso e também com um pouco – ou com muito!- de inteligência: evitando o que se intui ou se sabe por experiência que desagrada o outro, ainda que seja em si mesmo uma bobagem e buscar, por outro lado, o que pode agradar.
    Entretanto, nada se alcança sem esforço. De acordo com a perspicaz comparação de alguém, “o amor (sentimental) é uma harpa que sonha espontaneamente; o relacionamento, um piano que não soa senão a força de pedalar”... e o resultado deste pedalar é uma felicidade indescritível, que ninguém é capaz de imaginar... até que a prove.
    Então queridos vendam , vendam mas façam sem dúvida a manutenção periódica.Beijos


    www.mujernueva.org

    ResponderExcluir
  37. Me desculpe mas vou escrever sobre a minha frustração já que é esse o assunto. Se você acha que as mulheres andam analisando os homens em cima de um salto alto é pq talvez elas tenham alguma razão para isso. Pq qdo colocamos o coração aos leões eles fogem, ou simplesmente pisam!!! Sabe a história do garotinho que sempre fingia que se afogava e quando afogou de verdade ninguém acreditou? É mais ou menos isso, tantas mentiras nos contaram que hoje se alguém fala a verdade simplesmente não acreditamos. Não sabemos mais detectar a verdade dentre inúmeras mentiras contadas.
    Vender é fácil, mentir e fingir ser o que não é também são. Difícil é ser autentico. Sustentar uma máscara exige muito esforço, e muitas vezes ela cai. Talvez por isso os relacionamentos de hoje em dia sejam tão absurdamente rápidos. Você nunca sabe quem é a pessoa de verdade, sem a máscara, triste isso.
    A única maneira de não se decepcionar com uma pessoa é não esperar nada dela.

    Bjokasss

    ResponderExcluir
  38. Concordo com tudo que você disse Talasi. Não consigo entender também pq homem fala tanto, se falar faça. Nem pedimos por essas promessas falsas não. Ficar calado muitas vezes é melhor!!! P/ não dizer a maioria das vezes... rs
    É van acho que tem q ser mesmo verdadeira, mesmo que perca alguns pretendentes né? Quem ficar, fica p/ valer!!! Algumas vezes esperamos, em outras até que não. Mas o negócio é saber dosar isso. Concordo que é impossível não esperar nada de ninguém sempre.
    Marisa não é bem assim não. Muitos homens sabem exatamente como envolver e iludir uma mulher, e por mais que vc não espere nada, você acaba ouvindo algo para te fazer criar expectativas. Temos mesmo que não acreditar em absolutamente nada que nos dizem? Triste isso.
    É Fe o negócio é jogar a real... E sim muitas mulheres se iludem sozinhas e acham que podem mudar um homem, conquistar. Homem que não te quer como namorada é igual gay, não da para mudar, nem adianta insistir!!!
    Sei lá... Também sou uma mulher que concordo com você, mulher também se vende e muito, mas acho que são tipos de venda diferentes. Enquanto a mulher vende uma imagem falsa, o homem vende sentimento que não existe!!!!
    Marieta difícil alguém se colocar no lugar do outro. Para muitos por ai magoar alguém é algo que se faz todos os dias.
    Bruna é verdade, muita gente se esquece dos amigos para viver a vida do outro. Mas quando perde a vida do outro perde a sua, já não tem mais os amigos.
    Cecilia como sempre impecável o que escreveu. Adorei!!!!
    Ai adorei todos os comentários!!!! Nossa escrevi muito... Me desculpem... rs

    Bjokasss

    ResponderExcluir
  39. Oi Fabi, concordo com vc também....adoro seus comentários....bjos

    ResponderExcluir
  40. Andrezão, já te disse uma vez, mulher é como o windows, de tempos em tempos vc tem que reprogramar o chip, esvaziar a lixeira, ou desfragmentar o disco, senão o sistema trava...

    ResponderExcluir
  41. Mari que bom que gosta... Fico feliz... As vezes acho que sou muito radical... Também adoro seus comentários... Nos divertimos por aqui né? rs

    Dani acho que posso dizer que alguns usuários conseguem travar o windows com muita facilidade. Nesse caso é só mudar o usuário para um usuário mais capacitado que o problema esta resolvido. O usuário capaz sabe manipular o sistema.

    Bjokasss

    ResponderExcluir